Doce de Abóbora com Coco

Quem não ama? Quem não quer fazer?

Doce de Abóbora

INGREDIENTES

1 kg de abóbora de pescoço, cortada em pedaços

1/2 kg de açúcar

2 pedaços de canela em pau

um punhado de cravo-da-índia

1/2 xícara de coco ralado (o fresco é bem mais saboroso, e menos doce)

COMO FAZER

Em uma panela, coloque a abóbora e o açúcar e leve a fogo médio. Mexa devagar para misturar bem os dois. Quando o açúcar já tiver derretido, acrescente o cravo e a canela e abaixe o fogo. Mexa de vez em quando pra não grudar no fundo da panela. Quando a abóbora começar a desmanchar (e ficar com cara de doce), coloque o coco e deixe cozinhando por mais um tempo (para amolecer o coco).

Espere esfriar, coloque em um potinho e guarde na geladeira :)

E olha só, fiz até um  vídeo pra vocês visualizarem melhor o passo a passo:

Aliás, uma dúvida: quem que acompanha esse blog ainda não conhece o Torrada Torrada?

Além do blog, agora estou com um projeto de vídeos que chama  Torrada Torrada <3

É um canal de culinária no Youtube. São as minhas receitas e eu mesma que faço todos os quitutes. Os videos são produzidos pela minha produtora Pistache Filmes, com uma equipe fofa e animada. Toda semana vamos postar dois vídeos, uma receita e um drink.

É um projeto que estou há tempos tentando tirar do papel e agora, graças a deus, está dando certo! Vou continuar postando aqui, mas espero de coração que vocês me acompanhem por lá também, tem o canal do Torrada Torrada no Youtube e também um blog de apoio para as receitas (aqui o link do blog).

Espero gostem e apareçam lá no site do Torrada Torrada e também se inscrevam no canal (só  clicar aqui!)!

Anúncios

mais Torrada Torrada – receita Chai Latte

CHAI LATTE

Estou repetitiva, eu sei! Mas é que fazer o Torrada Torrada está tomando bastante tempo entre gravações e edições (nesse exato momento estou editando o vídeo da semana que vem).

Pelo menos é uma garantia que toda semana tem receita nova (e ainda com vídeo)!

Pra quem ainda não se inscreveu no canal, só clicar aqui!

De qualquer forma, aqui está a receita dessa semana: Chai Latte (com participação especial do meu novo gatinho, o Pickles).

Eu sou apaixonada pelo Chai Latte e pesquisei bastante para chegar numa receita bem próxima do original, espero que gostem!

INGREDIENTES
– 500 ml de água
– 1/2 gengibre ralado
– 500 ml de leite
– 2 sementes de cardamomo
– canela em pau (2 unidades)
– 4 colheres (de sopa) de açúcar
– 3 colheres (de sopa) de chá preto

MODO DE PREPARO:
Antes de tudo ferva a água. Na chaleira mesmo adicione a canela, sementes de cardamomo, gengibre, leite e açúcar.
Mexa bem e espere esquentar, quando ameaçar ferver, desligue o fogo. Coloque o chá preto e tampe para fazer infusão, espere três minutos e coe para servir.

Prontinho :)

cupcake gigante!

Parece mentira mas não é: cupcakes gigantes existem!

Na verdade é um bolo, em formato de cupcake gigante…aí você faz uma decoração caprichada e arrasa em qualquer festa, brunch ou chá com as amigas!

A forma para fazer o cupcake gigante é dividida em duas cavidades, assim você consegue rechear e quando junta as duas metades o cupcake fica pronto!

Se quiser um cupcake gigante para chamar de seu, dá para comprar na Biscoito & Cupcake!

Aqui tem um video tutorial ensinando a fazer e com dicas de decoração :)

mais Tutoriais de Verão, antes que o verão acabe!

Vou postar aqui mais dois tutoriais muito fofos e práticos: Receita de Sorvete Caseiro e de Smoothies ;)

No site tem todos os outros tutoriais! Entra aqui: Tutoriais de Verão MTV

Gostaram?

brownie cupcakes ♥

Eu amo brownie e sou louca por cupcakes, então…fiz a melhor combinação de todas!

Adorei o resultado e não sobrou um para contar história, foram devorados!

INGREDIENTES

1/2 xíc. farinha de trigo

1 colh. chá de fermento em pó

1/2 colh. chá de sal

1 xíc. manteiga em pedaços (temperatura ambiente)

1 1/2 xíc. açúcar

3 ovos (grandes)

180g chocolate meio-amargo (picado)

80g nozes picadas

60g amêndoas picadas (sugestão)

1 colh. chá essência de baunilha

MODO DE PREPARO

Antes de começar: pré aqueça o forno em 180, prepare as forminhas de papel na na forma de cupcake. Agora sim, vamos lá! Em um recipiente, junte e misture a farinha, fermento e sal. Reserve. Coloque a manteiga e o chocolate picado em uma panela e derreta-os em banho maria (sempre mexendo) até formar um creme homogêneo. Tire do fogo e coloque em outro recipiente, adicione o açúcar e bata com batedeira elétrica até formar uma mistura fofinha. Coloque os ovos (um por vez) e continue batendo, lembrando de limpar as bordinhas vez ou outra.

Acrescente a essência de baunilha e aos poucos comece a adicionar a mistura da farinha. Agora com uma colher, misture a massa até ficar homogênea e com uma boa consistência.

Por último, acrescente nozes, amêndoas ou o que preferir para seus brownies ficarem mais gostosos!

Coloque a massa nas forminhas de cupcakes, lembrando de não encher muito. A quantidade correta de massa seria 3/4 da forminha, no caso dos cupcakes tradicionais, uma colher de sopa cheia. Leve ao forno (180) e espere até que fiquem dourados, aproximadamente 25 minutos.

obs: Esses cupcakes de brownie não crescem muito, cuidado para não deixar muito tempo no forno.

Prontinho! Seus cupcakes de brownie já estão prontos e deliciosos!! Eles ficam crocantes por fora e molinhos por dentro, irresistíveis!

Deixe esfriar e se quiser deixar ainda mais incrível dê um upgrade com cobertura ou sorvete! Eu servi meus cupcakes de brownie com sorvete de Macadâmia da Häagen-Dazs, ficaram absurdamente deliciosos!

Quem vai se aventurar?

Você encontra as forminhas douradas da Wilton na Biscoito & Cupcake :)

Receita adaptada do livro Cupcakes da Martha Stewart.

cupcakes de nozes com chocolate branco

Mais uma receitinha testada, mega aprovada e incrivelmente fácil de fazer: Cupcakes de Nozes com cobertura de chocolate branco :)

Esses cupcakes de nozes são deliciosos e até agora a receita mais fácil de todas que já testei! Vamos lá?

INGREDIENTES

1 1/2 xíc. nozes

140g manteiga sem sal (temperatura ambiente)

1 1/2 xíc. açúcar

4 ovos

1 xíc. farinha de trigo (peneirada)

2 colh. chá fermento em pó

MODO DE PREPARO

Antes de tudo, pré-aqueça o forno. Em um processador de alimentos (se não tiver, pode ser até no liquidificador), triture as nozes. Junte a manteiga com as nozes e bata em velocidade baixa, acrescente os demais ingredientes, menos o fermento, e bata até misturar. Quando a massa estiver homogênea, acrescente o fermento e misture bem.

Distribua forminhas de papel na forma de cupcakes e preencha com a massa até 3/4 das forminhas. Leve ao forno médio por mais ou menos 15 minutos, ou até que a massa esteja levemente dourada. Essa massa é clarinha, então não espere que fique muito dourada porque pode acabar queimando.

Retire os cupcakes da forma e deixe-os esfriar na grade de confeiteiro.

COBERTURA: GANACHE DE CHOCOLATE BRANCO

3 1/3 xíc. de chocolate branco (em pedaços)

1/3 xíc. creme de leite (de lata ou caixinha, em temperatura ambiente)

Derreta o chocolate em banho-maria, misture o creme de leite aos poucos, mexendo bem. Deixe esfriar, ou refrigere por pelo menos 20 minutos.

O ganache é ótimo para usar com bicos de confeitar, para cupcakes dê preferência aos bicos grandes. Mas para o “acabamento” desses cupcakes eu quis fazer de um jeito mais rústico, com cara de feito em casa mesmo. Então passei o ganache nos cupcakes e modelei com uma espátula de confeiteiro, fazendo movimentos circulares de baixo para cima.

Joguei um pouquinho de nozes picadas para decorar, espero que tenham gostado :)

entre Proust e Madeleines

Hoje eu fiz madeleines pela primeira vez :)

Para quem não conhece nem nunca ouviu falar, as Madeleines são bolinhos simples e aromatizados em formato de lindas e delicadas conchinhas. De origem Francesa, existem histórias e mais histórias de seu verdadeiro “nascimento”, achei esse texto no Estadão Online:

A versão mais difundida para a origem das madeleines conta que, em 1755, numa situação de emergência, pois o confeiteiro titular faltara ao serviço, uma jovem empregada da marquesa Perrotin de Baumont preparou a receita da avó para um banquete em homenagem a Stanislas. O ex-rei e então duque de Lorena adorou a novidade e quis conhecer a autora, perguntando-lhe o nome, onde nascera e como se chamava a invenção. Ela disse chamar-se Madeleine Paulmier e revelou ter nascido em Commercy. Como o bolinho não possuía nome, Stanislas o batizou: “Vai se chamar madeleine de Commercy”. No dia seguinte, enviou a novidade para a filha comilona, Maria Leszczynski, mulher de Luís XV, na Corte de Versalhes. Até a morte do duque de Lorena, em 1766, a receita permaneceu secreta. Para alguns pesquisadores, foi Pantaléon Colombé, patriarca de uma família de confeiteiros e padeiros, quem a liberou ao conhecimento público. Segundo o historiador Charles Dumont, as madeleines de Commercy só começaram a fazer sucesso na França em meados do século 19, com a inauguração da estrada de ferro.” (por Dias Lopes)

As madeleines ganharam fama e reconhecimento e fama quando Proust em sua obra “Em Busca do Tempo Perdido” relata sua experiência ao mergulhar um “bolinho conhecido como madeleine” em uma xícara de chá, recuperando assim o sabor da mesma iguaria tomada nas manhãs dominicais de sua infância, e então resgata seus anos de menino e a cidade de Combray. Após a leitura da obra de Proust, aposto que todos sairam correndo para provar essa delícia que deveria ser a madeleine, fazendo com que os bolinhos ganhassem a fama e o coração do mundo inteiro.

Eu ganhei faz um tempinho um livro de receitas e forminhas para mini Madeleines e estava louca de ansiedade para me aventurar! Foram muitas expectativas e como sempre resolvo dar um salto maior que a perna, me esforcei pra não inventar muito e optei pela receita mais básica: Madeleines Doces Tradicionais.

INGREDIENTES

2 ovos

150gr açúcar

150gr farinha de trigo

1 colh. café fermento em pó

125gr de manteiga sem sal (temperatura ambiente)

2 colh. sopa de leite

MODO DE PREPARO

Bata os ovos e o açúcar, até formar um creme macio e mais branquinho. Aos poucos, adicione a farinha e o fermento (melhor misturar os dois antes). Adicione a manteiga e o leite aos poucos, batendo em velocidade média. Por último adicione a essência de sua preferência. (As madeleines combinam com essências e também licores ou raspas de casca de laranja e limão.) Deixe descansar 30 minutos na geladeira, coberto por uma tampa ou pano.

Pré-aqueça o forno a 220. Distribua a massa nas cavidades da forma de madeleines, se for de alumínio precisa untar com manteiga e farinha. Eu usei de silicone, então não tem necessidade de untar. Coloque a forma no forno e deixe que assem na temperatura de 220 por apena 5 minutos, em seguida diminua para  180 e deixe maos uns 6 ou 7 minutos. Essa temperatura e tempo seria para as mini madeleines, se fizer as grandes deixe o dobro do tempo.

Essa receita (e também as forminhas) é de um kit super fofo, que vem o livrinho e mais duas forminhas de silicone. Quem quiser, tem na lojinha: Kit Mini Madeleines.

Eu adorei fazer as madeleines, ficaram deliciosas e bem suaves. Elas não ficaram suuuper bonitas, algumas ficaram bem gorduchas…mas para a primeia vez fiquei satisfeita! Eu dei uma pincelada de chocolate derretido, apenas para acompanhar o café da tarde de sábado :)

A próxima vez vou me aventurar a fazer madeleines salgadas, será que vão ficar boas?